Lisboa,
01
Fevereiro
2018
|
10:29
Europe/Lisbon

smart em Portugal eleita como melhor mercado a nível mundial

Após uma 3ª posição em 2015, 2ª em 2016, 2017 foi o ano da conquista da 1ª posição ao obter o prémio de melhor mercado a nível mundial.

Selecione para aumentar
infographic
  • Portugal foi eleito pela 2ª vez como melhor mercado do mundo para a smart, depois de ter conquistado este prémio em 2013

  • Esta eleição reflete a performance do mercado em tema de: performance de vendas, quota de mercado e imagem de marca, num estudo anual

A smart em Portugal terminou 2017 com vendas na ordem das 3.126 unidades e um crescimento de 3% face ao ano anterior. Em termos de quota de mercado, a marca em Portugal atingiu a 1ª posição a nível mundial, com 1,4%, superando o mercado italiano que tem nos últimos anos mantido esta posição. Portugal é também considerado como o melhor mercado em perceção de marca e com melhor imagem num estudo que compara todos os mercados a nível mundial. Após uma 3ª posição em 2015, 2ª em 2016, 2017 foi o ano da conquista da 1ª posição ao obter o prémio de melhor mercado a nível mundial.

Este resultado reflete o excelente trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pela smart em Portugal, sobretudo no esforço em aproximar a marca aos seus potenciais clientes e ao ambiente urbano, chamando a atenção para o problema da mobilidade urbana. Ações disruptivas e de valor acrescentado para o cliente, como a ativação efetuada com as “#smartbanheiras”, o “#smarteffect” ou o “#smartparking”, contribuem para demonstrar o quão difícil é circular e estacionar nas grandes cidades…vantagens que acabam por se tornar num divertimento para quem conduz um smart.

Parte deste sucesso deve-se, igualmente, à dinâmica e motivação das equipas de vendas dos concessionários que diariamente se empenham na promoção e divulgação das vantagens de se conduzir um smart.

Desde outubro de 2017, com o lançamento dos modelos elétricos, a smart veio adicionar a componente ambiental com o lançamento da gama 100% livre de emissões de CO2, contribuindo desta forma para melhor a qualidade do ar que respiramos. Em 2020, a smart prepara-se para ser uma marca totalmente elétrica, a primeira a abdicar de motorizações a combustão e a dedicar-se apenas à mobilidade elétrica e sustentável.