01
Março
2018
|
17:48
Europe/Lisbon

Novo Mercedes-AMG G 63

O Mercedes-AMG Classe G foi sujeito à maior alteração alguma vez realizada em toda a sua história,

Com o novo Mercedes-AMG G 63 (consumo de combustível em ciclo combinado: 13.1 l/100 km; emissões de CO2 em ciclo combinado: 299 g/km), o Mercedes-AMG Classe G foi sujeito à maior alteração alguma vez realizada em toda a sua história,mantendo-se ao mesmo tempo fiel às suas comprovadas virtudes. O G 63 sustenta o seu exclusivo posicionamento entre os veículos todo-o-terreno de elevada potência com uma cadeia cinemática potente, o recém-desenvolvido sistema de suspensão AMG RIDE CONTROL, os modos da transmissão específicos da AMG e o novo interior com um cockpit de ecrã amplo. A base para este modelo AMG de referência quer em estrada quer fora de estrada é fornecida pelo motor de 4.0 litros V8 biturbo de 430 kW (585 CV), o sistema de tração integral com distribuição de binário tendencialmente para o eixo traseiro (40:60) com três bloqueios de diferencial, a caixa automática de 9 velocidades de comando extremamente rápido, a suspensão dianteira independente com duplo triângulo e o amortecimento adaptativo ajustável. A reinterpretação do design inconfundível cria elementos de realce como a grelha do radiador específica da AMG, extensões dos guarda-lamas, atraentes tubos laterais no sistema de escape e as jantes de até 22 polegadas.

O potente motor AMG de 4.0 litros V8

O motor AMG de 4.0 litros V8 substitui o anterior motor de 5.5 litros V8 no G 63. Neste modelo, o motor produz uma potência de 430 kW (585 CV) e um binário máximo de 850 Nm. Está disponível numa ampla gama de rotação do motor entre as 2.500 e as 3.500 rpm e confere portanto uma sensação de superioridade sem grande esforço. O modelo acelera dos 0 aos 100 km/h em 4.5 segundos. Este desempenho dinâmico é mantido até à velocidade máxima limitada a 220 km/h, ou 240 km/h com o Pack Condução AMG.

Os dois compressores não estão posicionados no lado exterior dos blocos do motor, mas antes no lado interior entre os dois blocos. Como principais vantagens destaca-se um bloco compacto do motor, uma resposta espontânea dos compressores e menores emissões de gases de escape graças ao fluxo de ar ideal para os catalisadores extremamente próximos do motor. O motor de oito cilindros fornece uma potência com um binário elevado em todas as gamas de rotação, combinados com a máxima eficiência para baixos níveis de consumo de combustível e de emissões.

Para fornecer uma ótima resposta são utilizados dois compressores duplos do tipo scroll. O alojamento está dividido em duas condutas de escoamento paralelas. A combinação com duas condutas de escape separadas no coletor de escape permite controlar separadamente os gases de escape na turbina. Os gases de escape do primeiro e do quarto cilindro de um dos blocos do motor é fornecido a uma conduta, enquanto os gases de escape do segundo e do terceiro cilindro do mesmo bloco é fornecido à outra conduta. O objetivo consiste em impedir que os cilindros individuais afetem mutuamente de forma prejudicial o ciclo dos gases. Isto permite reduzir a pressão residual dos gases de escape e melhorar o processo de troca de gases nos cilindros. Como resultado da melhoria da carga dos cilindros com uma mistura de ar novo, a potência é aumentada, o binário a baixa rotação é superior e os tempos de resposta são extremamente curtos.

Outras características do motor incluem êmbolos modificados, arrefecimento otimizado e um extenso conjunto de atualizações de software. A injeção direta a gasolina, o bloco do motor totalmente em alumínio, o conceito de quatro válvulas por cilindro com variador de fase, permutador de arrefecimento ar-água do ar de sobrealimentação, gestão do alternador, a função ECO start/stop e o modo roda livre, foram todos mantidos.

Sistema de desativação de cilindros AMG Cylinder Management

Para obter uma maior eficiência, a Mercedes-AMG equipou o motor V8 no modelo G 63 com o sistema de desativação de cilindros AMG Cylinder Management. Na gama de carga parcial, os cilindros número dois, três, cinco e oito são desativados e desta forma é reduzido substancialmente o consumo de combustível. O consumo de combustível em ciclo combinado é de 13.1 l/100 km, enquanto as emissões de CO2 em ciclo combinado correspondem a 299 g/km.

Quando o condutor seleciona o modo da transmissão "Comfort", o sistema de desativação dos cilindros fica disponível numa vasta gama de rotação do motor que varia entre as1000 e as 3250 rpm. O menu principal AMG no painel de instrumentos informa o condutor se o sistema de desativação dos cilindros está em operação e se atualmente o motor opera em gama de carga parcial ou em gama de carga total. A transição da operação de quatro para oito cilindros é rápida e impercetível e portanto os passageiros não sentem qualquer perda de conforto.

Caixa de velocidades AMG SPEEDSHIFT TCT 9G com tempos de passagem de caixa extremamente curtos

No modelo G 63 é utilizada a caixa de velocidades AMG SPEEDSHIFT TCT 9G. Esta caixa de velocidades inclui um software específico do motor para alcançar tempos de passagem de caixa extremamente curtos. A função de múltipla redução de caixa permite rápidas variações de velocidade, enquanto a função de duplo desembraiar nos modos da transmissão "Sport" e "Sport Plus" tornam a experiência de condução ainda mais emocional.

A experiência de condução pode ser extremamente desportiva ou confortável e eficiente. Em todos os modos da transmissão, o modelo G 63 arranca em primeira velocidade para assegurar sempre que necessário uma aceleração dinâmica a partir da condição de parado. A alavanca DIRECT SELECT foi reposicionada na coluna da direção.

O modo "Manual" pode ser selecionado utilizando um interruptor separado. As passagens de caixa são realizadas com base no modo da transmissão selecionado e o condutor pode agora comandar a caixa de velocidades através das patilhas de mudanças no volante. Adicionalmente, a transmissão mantém a velocidade selecionada e não passa para uma velocidade superior quando o limite de rotação do motor é atingido.

Agilidade e tração aperfeiçoadas: sistema de tração integral AMG Performance 4MATIC

O sistema de tração integral de série AMG Performance 4MATIC é caracterizado por uma distribuição de binário tendencialmente para o eixo traseiro com uma repartição de 40:60. Esta configuração assegura uma maior agilidade em estrada e uma maior tração durante a aceleração. No modelo antecessor, a distribuição era neutra e portanto de 50:50 entre os eixos dianteiro e traseiro.

A relação redutora para uma condução fora de estrada foram adicionalmente desenvolvidas para operações em terrenos difíceis. Desta forma, ajudam o modelo G 63 a lidar com troços fora de estrada ainda mais exigentes. A relação redutora da caixa de transferência é agora de 2.93, ou seja, consideravelmente superior à do modelo antecessor (2.1). Isto ajuda a iniciar a marcha em gradientes particularmente elevados, pois o binário nas rodas de tração é significativamente aumentado.

A relação redutora para a condução fora de estrada pode ser engrenada através do interruptor LOW RANGE a velocidades de até 40 km/h. A relação de transmissão da caixa de transferência passa então de 1.00 em HIGH RANGE para 2.93. É possível passar da relação LOW RANGE para a relação HIGH RANGE a velocidades de até 70 km/h.

A nova e inteligente embraiagem multidisco comporta-se como um bloqueio de diferencial controlado automaticamente. Esta assegura que o novo G 63 permanece manobrável durante mais tempo quando conduzido fora de estrada. A vantagem está no facto de permitir uma maior margem ao condutor antes de necessitar de engrenar manualmente os bloqueios do diferencial.

Quando o condutor opera o interruptor do bloqueio do diferencial central, a embraiagem multidisco passa a ter um efeito de bloqueio a 100%. Os bloqueios nos diferenciais dos eixos dianteiro e traseiro são bloqueios de diferencial com uma embraiagem e um efeito de bloqueio a 100%. Todos os bloqueios podem ser engrenados individualmente com o veículo em movimento, seja com a relação LOW RANGE ou HIGH RANGE, sendo que primeiro é bloqueado o diferencial central, de seguida o do eixo traseiro e por último o diferencial do eixo dianteiro.

Atualmente os bloqueios dos diferenciais respondem ainda mais rapidamente às solicitações nos interruptores, pois são atuados por meio eletromecânico e estão totalmente interligados no sistema elétrico do veículo. Um LED e o ecrã central do condutor indicam qual o bloqueio que atualmente se encontra ativo.

Com amortecimento adaptativo ajustável: suspensão AMG RIDE CONTROL

O novo G 63 tem um desempenho ainda melhor fora de estrada, enquanto em estrada é ainda mais dinâmico e confortável do que o seu antecessor. A impressão de agilidade é substancialmente percetível ao sistema da suspensão, que foi completamente redesenhado pela Mercedes-AMG e integra molas helicoidais em todos os eixos. Pela primeira vez, o eixo dianteiro está equipado com uma suspensão independente de duplo triângulo; na traseira é utilizado um eixo rígido com uma suspensão de cinco braços.

Os componentes da suspensão dianteira de duplo triângulo estão diretamente montados no chassis em escada sem uma subestrutura. Os pontos de ligação do triângulo inferior estão posicionados ao nível mais elevado possível. Esta configuração assegura um com comportamento tanto em estrada como fora de estrada. Uma barra de reforço das torres da suspensão, conhecida como ponte da suspensão, liga agora as torres da suspensão dianteira e permite aumentar a rigidez torsional do chassis em escada.

Na traseira, o novo eixo é controlado por quatro braços de controlo longitudinais em cada lado e uma barra Panhard. Isto torna a condução normal em estrada ainda mais confortável. Fora de estrada, a compressão de 82 mm e o retorno de 142 mm das molas traseiras, mais a altura ao solo de 241 mm medida no diferencial do eixo traseiro, ajudam a assegurar uma condução segura mesmo em situações extremas. Para reduzir a oscilação transversal da carroçaria, o G 63 está equipado com adicionais barras estabilizadoras transversais nos eixos dianteiro e traseiro.

A suspensão AMG RIDE CONTROL com amortecimento adaptativo ajustável é um equipamento de série. Este sistema eletrónico de controlo totalmente automático ajusta o amortecimento em cada roda às condições de atuais condução. Isto permite melhorar a segurança e o conforto de condução. O amortecimento é ajustado individualmente em cada roda e em função do estilo de condução, da superfície da estrada e da configuração selecionada para a suspensão. O ponto de operação ideal pode ser selecionado em qualquer momento com base na extensa informação, por exemplo, relacionada com a aceleração ou a velocidade do veículo.

Através de um interruptor na consola central, o condutor poderá escolher entre três diferentes configurações de características de amortecimento, designadamente "Comfort", "Sport" e "Sport+", e personalizar desta forma a experiência de condução entre muito confortável, rígida e desportiva.

Direta e com resposta precisa: a direção progressiva AMG

A direção eletromecânica progressiva instalada pela primeira vez no G 63 é caracterizada por uma relação de transmissão variável para assegurar uma resposta precisa e autêntica. A assistência elétrica à direção é tanto menor quanto maior for a velocidade do veículo. Isto significa que, a baixa velocidade, será necessário aplicar um reduzido esforço no volante. Por outro lado, é possível manter o melhor controlo do veículo durante a condução a alta velocidade. A direção assistida está disponível em dois modos - "Comfort" ou "Sport". As características relevantes são ativadas automaticamente em função do modo de condução DYNAMIC SELECT selecionado ou podem ser personalizadas no modo "Individual". No modo "Sport", o condutor recebe uma resposta mais direta sobre o estado da condução.

Características com o simples toque de um dedo: AMG DYNAMIC SELECT

Pela primeira vez na história do Mercedes-AMG Classe G, as características de condução podem ser personalizadas com o simples toque de um dedo, com cinco modos de condução em estrada e três modos de condução fora de estrada.

Com o DYNAMIC SELECT e os cinco modos de condução em estrada "Slippery", "Comfort", "Sport", "Sport+" e "Individual", as características variam desde um modo eficiente e confortável a um modo extremamente desportivo. Durante o processo, os parâmetros-chave tais como a resposta do motor, da caixa de velocidades, da suspensão e da direção, são modificados. Independentemente dos programas de condução do DYNAMIC SELECT, o condutor pode pressionar o botão "M" para passar diretamente ao modo manual, no qual as passagens de caixa são realizadas exclusivamente através das patilhas de mudanças no volante. Se necessário, as fases da suspensão adaptativa ajustável também podem ser selecionadas.

Estão disponíveis três modos de condução fora de estrada - "Sand", "Trail" e "Rock". Estes são acedidos utilizando o interruptor na consola central para a ativação do bloqueio do diferencial central e podem então ser selecionados com o interruptor basculante do DYNAMIC SELECT. O modo "Trail" permite aplicar a potência máxima em superfícies de terreno macias, lamacentas ou escorregadias. O modo "Sand" modifica os parâmetros para uma dinâmica desportiva e para as maiores aderência e capacidade de direção possíveis em trilhos de piso arenoso ou nas dunas de areia no deserto. O modo "Rock" destina-se a situações extremamente exigentes, terreno rochoso com intensa articulação dos eixos e frequentes interrupções de contacto de pelo menos uma das rodas com o piso.

Todos os modos de condução, quer Em Estrada quer Fora de Estrada, são visualizados no painel de instrumentos e no ecrã multimédia central. A desseleção de todos os bloqueios dos diferenciais repõe a configuração dos programas de condução nos modos de condução em estrada.

Carroçaria: construída para as tarefas mais árduas

A base para a enorme capacidade de condução fora de estrada do G 63 é fornecida por um chassis em escada rígido à torção, construído em aço de elevada resistência, e uma carroçaria fabricada em materiais compósitos. Este conceito é consideravelmente mais robusto e adequado para uma condução fora de estrada do que uma construção integral. Como o ponto mais baixo desta construção, o chassis assegura um baixo centro de gravidade e protege a cadeia cinemática, o depósito de combustível e o sistema de escape durante o contacto com o solo, por exemplo, quando o veículo passa sobre obstáculos.

Outro dos objetivos do desenvolvimento consistiu em reduzir o peso da carroçaria. Utilizando um protótipo digital, os engenheiros de desenvolvimento simularam o ciclo de vida dos componentes individuais e dos conjuntos para determinar onde poderiam ser utilizados materiais mais leves sem comprometer a durabilidade, o ciclo de vida e a qualidade.

O resultado foi uma nova combinação de materiais: a carroçaria é constituída por aços de várias qualidades. Os guarda-lamas, o capot e as portas são construídos em chapa de alumínio. Por forma a manter as dobradiças e os manípulos das portas com uma configuração igual à dos anteriores modelos Classe G, os engenheiros de desenvolvimento modificaram estes componentes para se adequarem ao novo design em alumínio. Os pilares A e B são construídos em aço de elevada resistência devido às suas funções de suporte de carga.

Graças o design inteligente, foi possível aumentar a rigidez torcional do chassis, da carroçaria e dos apoios da carroçaria em cerca de 55 por cento, de 6537 para 10,162 Nm/º. Isto fornece a base ideal para um comportamento de máxima precisão. O conforto também foi beneficiado: as vibrações e o ruído no interior foram significativamente reduzidos.

O tejadilho já não é soldado por pontos, mas sim ligado à estrutura da carroçaria através de soldadura a laser resultando numa qualidade superficial superior e numa maior resistência da carroçaria. A largura da flange foi mantida, mas otimizada para o novo método de soldadura. Pela primeira vez, todos os vidros fixos são colados à carroçaria. Esta solução não só permite aumentar a rigidez torcional da carroçaria, como também torna as molduras dos vidros mais resistentes à corrosão.

A capacidade de todo-o-terreno foi o foco principal durante o desenvolvimento adicional das portas. As portas laterais e a porta traseira possuem uma película de proteção no interior, por forma a impedir a infiltração da água quando o veículo efetua travessias em cursos de água. As superfícies do chassis, o piso e a carroçaria do veículo são sujeitos a um tratamento especial para suportarem até as condições mais severas – seja água, neve, sal ou areia.

Desportivo e distintivo: o design exterior

As características do design inconfundível conferem ao novo AMG G 63 uma estética única: a silhueta quadrada, o soberbo capot, as dobradiças externas das portas, os faróis redondos, as luzes de mudança de direção separadas, os musculados frisos de proteção com aplicações em preto brilhante com uma insígnia AMG prateada, a roda sobressalente exposta no lado exterior da porta traseira com uma tampa em aço inoxidável e uma estrela Mercedes tridimensional.

A secção dianteira do G 63 é caracterizada pela grelha do radiador específica da AMG e pelo para-choques AMG com entradas de ar laterais de grandes dimensões com acabamento prateado irídio mate. Os faróis, as luzes de mudança de direção e os farolins traseiros com tecnologia LED High Performance são um equipamento de série. As lâmpadas LED permitem reduzir o consumo de energia e têm um ciclo de vida particularmente longo.

Os faróis MULTIBEAM LED estão disponíveis como equipamento opcional. Cada um destes faróis está equipado com 84 módulos LED de elevado desempenho, que são controlados individualmente iluminar a superfície da estrada automaticamente com um feixe de luz extremamente brilhante e direção precisa, sem encandear os restantes utentes da via. Ou seja, como este controlo individual permite que a distribuição de luz dos faróis esquerdo e direito seja adaptada separadamente, de forma rápida e dinâmica para corresponder às alterações das situações na estrada. Isto permite melhorar a segurança de todos os utentes da via.

Com a função de luz de nevoeiro reforçada, a tecnologia MULTIBEAM LED também permite que o farol do lado do condutor ilumine esse lado mais ativamente, ocultando ao mesmo tempo qualquer elevação do feixe de luz. Como resultado, a metade exterior da superfície da estrada é iluminada com maior brilho e o a luminosidade refletida pelo nevoeiro é reduzida.

Novas funções de iluminação para uma maior segurança

O Adaptive Highbeam Assist Plus também beneficia do desempenho da tecnologia MULTIBEAM LED: graças ao maior número de pixéis, no modo luzes de máximos parciais, as zonas escuras da distribuição de luz são mais precisas e dinâmicas do que nunca e a luz de máximos pode ser utilizada durante mais tempo. Quando ligados, o sistema fornece sempre o melhor alcance possível dos faróis.

Mercedes-AMG G 63 com mais características distintivas

Outras características do G 63 incluem as extensões dos guarda-lamas dianteiros e traseiros, que criam espaço para rodas mais largas. Os estribos equipados de série, os distintivos elementos de revestimento nos para-choques dianteiro e traseiro e a pintura metalizada de série, completam o exterior exclusivo. Outras características distintivas incluem a inscrição "V8 BITURBO" nos guarda-lamas dianteiros e a insígnia do modelo Mercedes-AMG G 63 na porta traseira. As pinças vermelhas dos travões, os discos de travão perfurados e as jantes de 22 polegadas disponíveis pela primeira vez, completam o design exterior.

O G 63 aparenta uma visual particularmente atraente com o opcional pack AMG Night. Neste caso, os faróis, os farolins traseiros, as óticas das luzes de mudança de direção, o vidro traseiro e os vidros laterais traseiros são escurecidos. A pintura em preto Obsidian nas capas dos espelhos exteriores, o anel da roda sobressalente e o revestimento nos para-choques dianteiro e traseiro, juntamente com a proteção inferior preta, destacam a imagem confiante que é complementada pelas jantes de 21 ou 22 polegadas em preto mate.

Visual desportivo com detalhes específicos do modelo: o design interior

O novo G 63 recebeu um interior moderno com um design totalmente novo, que reflete as características específicas do exterior. A forma dos faróis redondos é refletida nas saídas de ventilação laterais e nas luzes indicadoras nos tweeters instalados no tablier. As características do G 63 também incluem a pega de apoio em frente à porta do passageiro dianteiro e os interruptores com revestimento cromado para os três bloqueios do diferencial.

O tablier totalmente redesenhado inclui instrumentos analógicos tubulares de série. Opcionalmente, podem ser encomendados o Widescreen Cockpit totalmente digital com instrumentos virtuais diretamente no campo de visão do condutor e um ecrã central acima da consola central. Os dois ecrãs de 12.3 polegadas combinam visualmente para formar um ecrã largo atrás de um revestimento partilhado em vidro. O condutor poderá selecionar entre três diferentes estilos – "Classic", "Sporty" e "Progressive" – e escolher a indicação da informação que pretende visualizar.

O novo conceito dimensional no interior beneficia todos os ocupantes. O aumento do comprimento (+101 milímetros), da largura (+121 milímetros) e da altura (+40 milímetros) fornece a base para uma impressão significativamente mais espaçosa e arejada comparativamente ao modelo antecessor.

Resumo das dimensões interiores mais importantes:

Descrição

Diferença

Espaço para as pernas no compartimento dianteiro

+38 mm

Espaço para as pernas no compartimento traseiro

+150 mm

Espaço para os ombros no compartimento dianteiro

+38 mm

Espaço para os ombros no compartimento traseiro

+27 mm

Espaço para os cotovelos no compartimento dianteiro

+68 mm

Espaço para os cotovelos no compartimento traseiro

+56 mm

Os bancos traseiros podem ser rebatidos na proporção de 40, 60 ou 100 por cento. Os bancos no Classe G estão equipados de série com várias funções de conforto que juntamente com a sua geometria ergonómica fornecem um melhor conforto e apoio lateral. As características incluem a função de memória da posição do banco do condutor, aquecimento dos bancos dianteiros e traseiros, assim como apoios de cabeça de luxo nos bancos dianteiros.

Este conforto de condução pode ser opcionalmente aperfeiçoado com o Pack Bancos Multicontorno. Além disso dos especiais bancos multicontorno, este pack inclui características como a vasta gama de funções de massagem, controlo da climatização e aquecimento rápido dos bancos. Esta versão também disponibiliza regulação elétrica dos apoios lombares nos bancos do condutor e do passageiro dianteiro. As secções laterais das almofadas dos encostos dos bancos Multicontorno integram câmaras de ar que enchem ou esvaziam continuamente em função da dinâmica de condução, proporcionando desta forma o melhor apoio às posições do condutor e do passageiro dianteiro e, por exemplo, fornecendo um maior apoio lateral durante a realização de curvas.

Novo volante AMG Performance de série

O design extremamente desportivo, as zonas de apoio das mãos com contornos extremamente pronunciados e uma utilização intuitiva são os atributos principais do novo volante AMG Performance revestido em pele nappa, instalado de série. A secção inferior é achatada e as zonas de apoio das mãos são perfuradas. As patilhas de mudanças no volante são galvanizadas.

Utilizando os botões táteis integrados, as funções do painel de instrumentos (esquerdo) e do sistema multimédia (direito) podem ser controladas intuitivamente pelos movimentos horizontais e verticais de um dedo. Tal como no Classe S, as regulações do Assistente Distância Ativo DISTRONIC e do controlo da velocidade de cruzeiro são realizadas nos painéis de controlo esquerdos. Os painéis de controlo no lado direito são utilizados para ativar o controlo por voz e o telefone, e para regular o volume do som, a seleção de músicas e outras funções do sistema multimédia.

Sonoridade de escape típica do AMG V8

O sistema de escape de duplo escoamento inclui tubos laterais por debaixo das portas traseiras. As ponteiras duplas de escape com acabamento cromado brilhante emitem o som típico do motor AMG V8. Para tornar a sonoridade do escape ainda mais desportiva ou discreta, as borboletas de escape instaladas de série podem ser ajustadas em dois níveis através do interruptor na consola central ou em função do programa de condução selecionado.

Modelo especial exclusivo "Edition 1" no lançamento de mercado

Durante o lançamento de mercado, o novo Mercedes-AMG G 63 também estará disponível como modelo especial exclusivo "Edition 1": a combinação dos detalhes do equipamento torna o modelo especial no porta-estandarte da gama de modelos. As cores de pintura disponíveis são o preto magnetite, o preto obsidian, prata irídio, prata mojave, cinza selenito, grafite metalizado designo, preto platina designo, branco místico designo, magno platina designo e magno preto noturno designo. Os frisos desportivos em cinza grafite mate ao longo das laterais do veículo acrescentam um contraste discreto. As capas dos espelhos exteriores possuem um friso decorativo em vermelho. O pack Night AMG com elementos em preto brilhante reforça a impressão musculada do modelo. As jantes forjadas de 22 polegadas em preto mate e de raios cruzados possuem flanges dos aros com acabamento em vermelho.

Os elementos de destaque em vermelho continuam no interior: podem ser encontrados, por exemplo, nos pespontos contrastantes em vermelho no suporte do tablier, na consola central, nos painéis das portas e nos bancos traseiros. Os bancos desportivos dianteiros revestidos em pele nappa preto/vermelho pimenta também revelam esta cor atraente. Os bancos desportivos de série são caracterizados por um padrão diamante dinâmico com pespontos contrastantes em vermelho. O revestimento em fibra de carbono inclui elementos de destaque em vermelho pimenta, enquanto o volante Performance revestido em microfibra DINAMICA com secção inferior achatada é visualmente enriquecido com pespontos contrastantes em vermelho e uma marca vermelha localizada às 12 horas de relógio.

O novo Mercedes-AMG G 63 será apresentado a nível mundial no Geneva Motor Show no dia 6 de Março de 2018 - as vendas terão início no dia 18 de Março de 2018 e o lançamento de mercado está agendado para o mês de Junho de 2018.

Resumo dos dados técnicos

 

Mercedes-AMG G 63

Motor

4.0 litros V8 com dois compressores

Cilindrada

3982 cc

Potência

430 kW (585 CV) às 6.000 rpm

Binário máximo

850 Nm às 2,500-3,500 rpm

Sistema de transmissão

Sistema de tração integral AMG Performance 4MATIC com distribuição de binário tendencialmente para o eixo traseiro na proporção de 40:60

Caixa de velocidades

AMG SPEEDSHIFT TCT 9G

Consumo de combustível em ciclo combinado

13.1 l/100 km

Emissões de CO2 em ciclo combinado

299 g/km

Classe de eficiência

F

Peso (DIN/EC)

2485* kg/2560** kg

Aceleração 0-100 km/h

4.5 s

Velocidade máxima

220 km/h***240 km/h*** (pack Driver)

* Peso em vazio de acordo com as normas DIN, sem condutor; ** Peso de acordo com as normas UE, com condutor (75 kg); *** Limitada eletronicamente