Sintra,
23
Agosto
2019
|
13:43
Europe/Lisbon

Mercedes-Benz EQV - Estreia mundial do primeiro MPV premium totalmente elétrico

Uma autonomia de 405 quilómetros (valores provisórios) e uma função de carregamento rápido de série fornecem mobilidade elétrica para uma utilização diária

Selecione para aumentar
infographic

• Uma autonomia de 405 quilómetros (valores provisórios) e uma função de carregamento rápido de série fornecem mobilidade elétrica para uma utilização diária

• Total disponibilidade de espaço graças à instalação da bateria de alta tensão por debaixo do piso

• Inteligência e conectividade com o MBUX e funções específicas da EQ

• Design interior e exterior com estética específica da EQ

• Após os modelos eVito e eSprinter, a divisão Mercedes-Benz Vans apresenta o seu primeiro veículo elétrico para fins particulares e comerciais

A divisão Mercedes-Benz Vans apresentou o Concept EQV como um protótipo no Salão de Genebra em março de 2019. Agora a versão de produção do Mercedes-Benz EQV (consumo de energia elétrica em ciclo combinado: 27.0 kWh/100 km; emissões de CO2 em ciclo combinado: 0 g/km, valores provisórios)1 celebra a sua estreia. O próximo membro da família Mercedes EQ combina a mobilidade sem emissões de gases poluentes com impressionantes capacidades de condução, elevada funcionalidade e design atraente na forma de MPV premium totalmente elétrico da Mercedes-Benz. O Mercedes-Benz EQV será apresentado ao público pela primeira vez no Salão de Frankfurt deste ano (a decorrer entre 12 e 22 de setembro).

Os destaques tecnológicos incluem uma autonomia de 405 quilómetros (valores provisórios)1 e o carregamento rápido da bateria de alta tensão desde um estado de carga de 10 até 80 %, em menos de uma hora. O Mercedes-Benz EQV também oferece o máximo conforto no interior e uma flexibilidade sem precedentes. Os clientes também poderão escolher entre duas diferentes distâncias entre eixos.

O EQV é totalmente integrado nas operações de produção da fábrica em Vitoria, no norte de Espanha, onde os modelos Classe V e o Vito da Mercedes-Benz também são fabricados. Isto permite uma produção flexível e sinérgica em correlação direta com os requisitos dos clientes.

Máximo benefício graças ao design inteligente

A cadeia cinemática elétrica (eATS) do Mercedes-Benz EQV está instalada no eixo dianteiro por debaixo da secção dianteira dinâmica do veículo, com uma tomada de carregamento no para-choques. A sua potência máxima é de 150 kW. O motor elétrico, a caixa de velocidades com uma relação fixa, o sistema de arrefecimento e a eletrónica de potência constituem uma unidade extremamente compacta e integrada. A energia elétrica é fornecida por uma bateria de iões de lítio instalada por debaixo do piso do veículo. A sua instalação central e a baixa altura também têm um efeito positivo nas características de comportamento do EQV. A velocidade máxima de até 160 km/h também lhe permite viajar rapidamente para fora dos centros urbanos.

De série, o Mercedes-Benz EQV está equipado com um carregador de bordo (OBC) arrefecido a líquido de arrefecimento com uma potência de 11 kW, tornando-o apropriado para o carregamento AC numa instalação elétrica residencial ou em postos de carregamento públicos.

A bateria, que tem uma capacidade de armazenamento útil de 90 kWh, permite uma autonomia máxima de 405 quilómetros (valores provisórios)1. A instalação da bateria no espaço por debaixo do piso significa que é disponibilizado todo o espaço útil do veículo, sem reduzir o espaço do habitáculo do veículo. Isto significa que o MPV totalmente elétrico da Mercedes-Benz também cumpre as mais exigentes normas em termos de funcionalidade e variabilidade e abrange um elevado número de aplicações. Na esfera particular, por exemplo, as famílias beneficiam de um vasto leque de configurações dos bancos bem como de uma consciência tranquila por não produzirem emissões de gases locais. Por outro lado, os seis bancos individuais tornam o Mercedes-Benz EQV um veículo de transporte pendular que cumpre todos os requisitos de transporte de passageiros de elevada qualidade, com uma experiência de condução confortável e particularmente silenciosa. A instalação flexível de bancos individuais ou corridos também permite converter o EQV num veículo de 7 ou até de 8 lugares.

MBUX no EQV: elétrico e inteligente

O aperfeiçoamento do MBUX especificamente para EQ é uma característica que importa destacar particularmente. No ecrã multimédia de alta resolução de 10 polegadas, o mosaico EQ no menu principal serve de ponto de acesso central aos indicadores e definições específicos. Estes incluem a corrente de carregamento, a hora de partida, o fluxo de energia e o histograma do consumo de energia. O ecrã multimédia também pode ser utilizado para operar o sistema de navegação e o Mercedes me Charge, bem como os modos da transmissão. Um dos principais atributos do MBUX é o seu controlo por voz inteligente com compreensão de discurso natural, que é ativado pela palavra-chave "Olá Mercedes". O controlo por voz suporta várias funções de informação e entretenimento (ex. introdução do destino, chamadas telefónicas, seleção de músicas, escrever e ouvir mensagens, previsões meteorológicas), bem como várias funcionalidades de conforto como o controlo da climatização/iluminação. E o MBUX também aplica os seus pontos fortes em combinação com a app "Mercedes me" fora do veículo. Os condutores do EQV podem planear os seus destinos a partir de casa ou do escritório, inserir o tempo de partida e climatizar o interior do veículo de acordo com a temperatura pretendida.

Máxima autonomia graças à recuperação inteligente e aos diferentes modos da transmissão

Para assegurar que a autonomia do sistema é explorada na sua totalidade, o Mercedes-Benz EQV também carrega as suas baterias durante a condução. Em modo desaceleração ou travagem, a energia mecânica resultante do movimento rotativo é transformada em energia elétrica e utilizada para carregar a bateria de alta tensão (recuperação). O condutor tem uma influência importante no processo de recuperação de energia. Também poderá influenciar o nível de recuperação utilizando as patilhas atrás do volante. A patilha esquerda permite aumentar o nível de recuperação, enquanto a patilha direita permite reduzir. No nível mínimo, o veículo "circula em roda livre", enquanto no nível máximo é possível conduzir utilizando um único pedal.

Isto porque, na maioria das situações, o efeito de desaceleração da recuperação de energia é suficiente para desacelerar ou travar o veículo e desta forma é desnecessário atuar o pedal dos travões.

O nível de recuperação D Auto reflete a inteligência do EQV. O ECO Assistant ativado automaticamente ajuda o condutor a atingir a máxima eficiência possível. Combina os dados de navegação, o reconhecimento de sinais de trânsito e a informação fornecida pelos sistemas de assistência de segurança inteligentes (sensor de radar e câmara), e ajusta o nível de recuperação.

Em combinação com o sistema de navegação otimizado da EQ, a monitorização ativa da autonomia assegura que o condutor chega ao seu destino em segurança, mesmo que seja omitida uma paragem para carregamento. Também é assistido pelo modo da transmissão E+, que otimiza os parâmetros do veículo para maximizar a autonomia.

Ecossistema abrangente de mobilidade elétrica com várias possibilidades de carregamento

Uma parte da marca de tecnologia EQ corresponde a um ecossistema abrangente de mobilidade elétrica, de que o Mercedes-Benz EQV beneficia como o membro mais jovem da família EQ. Isto inclui uma ampla gama de serviços, que inclui desde funções do veículo, como a navegação adaptada, até à infraestrutura de carregamento. Através da Mercedes me Charge, o cliente tem acesso à maior rede de carregamento do mundo com mais de 300 000 pontos de carregamento e a diferentes operadores de postos de carregamento públicos, contabilizando apenas na Europa (municípios, parques de estacionamento, vias-rápidas, shopping centres, etc.). Os clientes beneficiam de um sistema de pagamento integrado com faturação simples. O Mercedes me Charge também permite o acesso a postos de carregamento rápidos da rede pan-Europeia IONITY. Especialmente em viagens de longa distância, os reduzidos tempos de carregamento tornam uma viagem agradável. Até 2020, a IONITY irá construir e operar cerca de 400 postos de carregamento rápido ao longo das principais artérias rodoviárias na Europa. A IONITY é um consórcio fundado em novembro de 2017 pelo BMW Group, a Daimler AG, a Ford Motor Company e o Volkswagen Group com a Audi e a Porsche.

Com a Mercedes-Benz Wallbox Home e uma potência de carregamento de 11 kW, o EQV pode ser carregado de forma significativamente mais rápida do que numa tomada elétrica doméstica. Em cooperação com parceiros de instalação de carregadores em diversos países, a Mercedes-Benz também oferece uma instalação fácil e rápida da Mercedes-Benz Wallbox e um aconselhamento profissional em todos os aspetos da mobilidade elétrica. O carregamento DC com o CCS (Combined Charging Systems) de série é ainda mais rápido. Na Europa, o EQC pode ser carregado com uma potência máxima de até 110 kW num posto de carregamento apropriado. Desta forma demora menos de 45 minutos a carregar desde um estado de carga de 10 até 80 % por cento.

Design com estética específica da EQ

Um dos elementos que todos os veículos EQ têm em comum é o seu design com uma estética moderna e específica. O foco incide na grelha do radiador em forma de painel preto com aletas cromadas, bem como o claro perfil lateral com design específico da EQ e as jantes de liga leve de 18 polegadas, que transmitem uma impressão dinâmica mesmo quando parado.

A estética do exterior é continuada no interior, onde a estética fantástica é complementada por elementos de tonalidades quentes, como o dourado rosa, realçando a sensação de se estar em casa. O coração da interação entre o condutor e a máquina é o intuitivo Mercedes-Benz User Experience (MBUX). Este combina um ecrã tátil de 10 polegadas com o controlo por voz, a aprendizagem de discurso natural e as inovadoras funcionalidades de conectividade.

Mercedes-Benz EQV como um novo marco na história da marca de tecnologia "EQ"

A marca de tecnologia "EQ" fundada pela Mercedes-Benz em 2016 representa o consistente desenvolvimento contínuo da mobilidade elétrica. Tudo começou com o "Concept EQ". Este foi seguido pelo Concept EQA da classe de modelos compactos apresentado no IAA de 2017. Em setembro de 2018, a marca apresentou o seu primeiro veículo produzido em série na forma do EQC SUV elétrico (consumo de energia elétrica em ciclo combinado: 20.8 – 19.7 kWh/100 km; emissões de CO2 em ciclo combinado: 0 g/km)2. Em março de 2019, o Concept EQV apresentado no Salão de Genebra indicou uma potencial expansão da gama de modelos no segmento MPV, com até oito bancos. A versão de produção em série do Mercedes-Benz EQV que agora foi apresentada assinala um novo marco histórico no desenvolvimento da marca de tecnologia "EQ".

Dados técnicos

Emissões de CO2

0 g/km

Consumo de energia elétrica em ciclo combinado

27.0 kWh/100 km (valores provisórios)

Autonomia

405 km (valores provisórios)

Tempo de carregamento na Wallbox ou em postos de carregamento públicos (carregamento AC, 11 kW)

<10 h

Tempo de carregamento num posto de carregamento rápido (carregamento DC, 110 kW)

10-80 % SOC em menos de 45 min

Sistema de transmissão

Tração dianteira

Potência

150 kW (204 CV)

Binário máximo

362 Nm

Velocidade máxima

160 km/h

Bateria

Iões de lítio

Capacidade de armazenamento da bateria (instalada)

100 kWh

Capacidade de armazenamento da bateria (útil)

90 kWh

Comprimentos

5140 mm, 5370 mm

Distâncias entre-eixos

3200 mm, 3430 mm

Compartimento de bagagens (em função do equipamento instalado)

1030 litros

Peso bruto

3500 kg